sábado, 15 de agosto de 2015

Foi assim tornei um evangelizador



Gostaria falar como surgiu o meu interesse em se tornar um evangelizador Porta a Porta. A providência de Deus sempre acontece na nossa vida, alguns anos participando do movimento chamado Renovação Carismática Católica, (RCC).Tive o conhecimento do Carisma Canção Nova, onde acompanhava os programas da TV Canção Nova, Acampamentos, Quinta feira.
Tive a experiência de participar do Acampamento realizado em dezembro do ano de 2000.
Com dificuldades de procurar um emprego nesta época, eu tive que enfrentar muitas vezes a depressão.  Depois de alguns anos isso não demorou em Agosto de 2001 arrumei um serviço temporário do Governo do Estado, foi no período de 9 meses de contrato, eu não era sócio da Canção Nova até porque o meu contrato temporário venceu em maio de 2002.
A depressão me afastou dos estudos, a decisão foi importante voltar aos estudos, sempre enviava currículos. Em Fevereiro de 2003 eu trabalhei nos Correios neste período foi pouco tempo, mas não desanimei. Em Junho de 2003, participando do cenáculo no Estádio do Caninde, quando na época era clube do ouvinte cadastrei como novo sócio.
Comecei a receber a revista todos os meses, um dia desses lembro no ano de 2004 estava lendo a revista da Canção Nova, e fiquei sabendo do Projeto Porta a Porta e eu me interessei pela iniciativa da Canção Nova pois eu estava desempregado.
Época que realmente estava terminando os meus estudos, tomei a decisão de enviar as copias de documentos, e poucos dias recebi aprovação de limite de crédito, e o catálogo.
Eu demorei pra revender pois ainda não conhecia o procedimento das vendas, me ensinaram como fazer os pedidos.
Comecei oferecer os catálogos no 1°semestre de 2005 como ainda eu não tinha muitos clientes eu fiz poucos pedidos. Depois em diante comecei a oferecer o catálogo para os meus amigos da igreja eu fiquei ativo durante 5 anos, eu posso dizer foi uma experiência de se tornar um evangelizar Porta a Porta.
Infelizmente não estou mais oferecendo os catálogos pois a Canção Nova não enviou mais pra mim.
Nunca desisto da Canção Nova, sei que agora estou trabalhando em outra área de divulgação. Muitas me pedem os catálogos.
  

Porta a Porta 12 anos de existência


PORTA A PORTA
Quem somos 12 anos do Projeto Porta a Porta

“Um sonho se realiza depois de 15 anos: O DAVI – Departamento de Audiovisuais da Canção Nova – leva os seus produtos até você, entregando de Porta em Porta... Precisa chegar logo, o mais depressa possível... Porque o tempo é breve!” (Mons. Jonas Abib)

Com essas palavras, Mons. Jonas Abib abençoou e deu o “ponta pé inicial” naquele que viria a ser, quatro anos mais tarde, um dos maiores canais de vendas e de evangelização do DAVI – Departamento de Audiovisuais da Canção Nova: o Projeto Porta a Porta.

O Projeto nasceu no dia 15 de agosto de 2003, e teve sua implantação oficial na cidade de São José dos Campos, no anfiteatro da UNIVAP – Universidade do Vale do Paraíba. Na época desse evento, o nome do Projeto era Canção Nova Shopping, denominação que foi mantida por apenas três meses, durante o Projeto Piloto.

Na ocasião, Ricardo Sá, Eliana Sá e Luciana Caldeira apresentaram o Projeto a quase quinhentos futuros “evangelizadores” que até hoje fazem questão de ser chamados assim – e o são de fato! Em sua fala naquela noite especial, Ricardo Sá fez uma profecia interessante. Disse ele: “Hoje está acontecendo algo muito importante. Está nascendo um presente de Deus para a Canção Nova. Um novo de Deus para auxiliar a evangelização no Brasil e no mundo”.

Nesse evento ainda foram distribuídos cerca de 700 exemplares do primeiro Catálogo, trazendo na capa uma frase de efeito que, com o tempo, foi se concretizando: “A Canção Nova mais perto de você”. O Projeto nasceu com 350 evangelizadores da própria cidade de São José dos Campos, escolhida por ser, na época, aquela que concentrava o maior número de sócios da Canção Nova.

Foi um misto de ousadia, pujança e arrojo no mundo da distribuição e evangelização católica que, até então, nunca se tinha visto em nenhum meio de evangelização no Brasil. Era a Canção Nova, mais uma vez, fazendo história e entrando no mercado de venda direta, um dos que mais crescem no mundo todo e continuará crescendo.

O Porta a Porta, então, passou por um período de intenso trabalho, com muitas transformações, acertos e desacertos, sem nunca perder o foco inicial. Como resultado, deixou de ser apenas um projeto e se tornou um departamento com equipe própria, infra-estrutura de prédio e sistema de logística que atendem hoje a mais de 25.000 evangelizadores espalhados pelo Brasil.

A profecia se realizou. O sonho de nosso Fundador, Mons. Jonas Abib, tornou-se realidade. Com a implantação do Portal Porta a Porta, novos horizontes despontam, mas há ainda muito trabalho a ser feito em prol do objetivo principal da Canção Nova: salvar almas para Deus. E isso é urgente. Esse é nosso maior desafio.

Parabéns a todos os envolvidos e que a graça continue sendo derramada em abundância sobre mais essa Obra de Deus e milagre aos nossos olhos: o Porta a Porta